terça-feira, 29 de novembro de 2011

Um grande deserto chamado: Texas


El Paso ficou pra trás e o deserto montanhoso também. Entrava em cena o deserto plano, sem graça. Quase 4 horas de voo nos levou até El Dorado, uma cidadela no meio do nada, onde pousamos para abastecer junto com o por do sol. De lá seguimos para Austin, onde já de noite pousamos no aeroporto internacional.
Se Texas tem uma estrela que brilha, essa parece ser Austin, a capital. Essa cidade cheira a arte, música, juventude. Junto com um viajante que conhecemos no albergue onde nos hospedamos fomos assisitr o filme do Sigur Ros, uma banda islandesa, que eu curto bastante. Por não ter tido tempo de conferir nada ao vivo, deixei Austin pra trás com a sensação de que faltava alguma coisa.
Abastecendo em El Dorado, no meio do nada.

5 comentários:

  1. Boas imagens Gustavo.
    Em termos de relevo acho que nada se compara com as montanhas de Minas.Dá uma olhada no seu e-mail que eu mandei umas dicas.
    Abraços e bons voos.

    Cláudio Ferreira

    ResponderExcluir
  2. Sigur Ros é da Islândia! (e eu sou o cara chato que comenta só pra criticar o coleguinha haha).

    Felipe

    ResponderExcluir
  3. Hahaha Islandia, FInlandia, tudo a mesma coisa! brincadeira, nao é mesmo! Valeu, já corrigi! Valeu Felipe!
    Obrigado Cláudio!

    ResponderExcluir
  4. I can imagine the wonderful view that you are passing by. The weather has cooperate with you too,hasn't it??? Good bless you all the time. With love!

    ResponderExcluir
  5. Aprimorando cada vez mais nas fotitas né...

    ResponderExcluir